Chegando lá!

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Aceitação ...



Primeiramente, emagreci um quilo, na verdade foi um quilo em 15 dias e mesmo com minha semana imperfeita, felizmente a D. Plenna foi camarada...
Uma coisa muuuuito interessante está me acontecendo.
Quem acompanha meu blog deve saber que tenho transtorno alimentar desde os 13 anos, ou desde que nasci, nem sei mais...fui uma criança muito problemática pra comer e adolescente tive sérios problemas, fiquei com 22 quilos a mais e depois fui anoréxica pesando apenas 35 quilos, cheguei a ser internada e depois de "curada", voltei a ser obesa e então virei uma sanfona humana, engordando e emagrecendo...um ano depois que minha filha nasceu, resolvi encarar uma dieta pra perder os útimos quilos que sobraram da gravidez só que perdi o controle e fiquei com 47 kgs o que é muito pouco pra mim...foi uma auê com minha família, uma campanha enorme pra eu comer e eu comecei a comer , só que comi demais, na verdade, comecei a me empanturrar até passar mal e ganhei quase 20 kgs. O ano de 2009 foi um pesadelo: Falta de dinheiro, casamento por um fio, depressão, gordura,...depois de um ano e meio de muita decepção, sem conseguir vencer um dia de dieta, consegui começar a emagrecer e cheguei como estou hoje aos 12 kgs a menos. Mas ,secretamente , eu alimentava uma vontade de chegar a 47 ou 48 kgs. E fui emagrecendo, fazendo as modificação nas refeições, nada muito radical...só que eu sentia (sinto?) um certo sentimento de não estar fazendo a coisa certa, comecei a ver corpos não tão magros mas bonitos , harmoniosos e foi quando eu comecei e me preocupar não só com o peso mas com a harmonia do meu corpo. Mas alguma coisa, como se fose um “orgulho anoréxico” me fazia querer ter 48 kgs e me enchia de culpa caso eu pensasse me ter mais que isso. Tanto que relutei muito em mudar minha meta na barrinha de 48 pra 50 kgs. Talvez só quem tenha ou teve um transtorno alimentar vá entender isso...
No domingo assisti um episódio do programa "Noivas fora de forma" do GNT, um realitty sobre noivas que precisam emagrecer/ entrar em forma , pra caberem no vestido e esse episódio mostrou uma moça bonita com 1 m60 (minha altura) e que estava pesando 64 kgs. Eu com 64 kgs fico bem gorda pois sou gorda maçã mas como essa moça era gorda pêra, estava fora de forma sim mas não tão gorda. E ela começou um programa de exercicios e dieta pra emagrecer e perder medidas e chegou a 58 kgs, perdeu 10 cm de cintura e 10 de quadril , seu corpo ficou simplesmente lindo, feminino, sensual.
E eu que sempre neguei tanto minha vontade de me ver como uma mulher, uma mulher de 38 anos que sou, que submeti tanto meu corpo a ser magérrimo negando qualquer traço de voluptuosidade que pudesse ter, me vi querendo não ficar mais esquelétia mas sim com curvas. Inacreditável! Eu cultuo a magreza desde os 13 anos, não é à toa que tive anorexia duas vezes , pra mim isso é algo completamente novo. Me senti liberta com essa aceitação. , parecia que uma cortina tivesse sido aberta em minha mente...
Mas claro, nem tudo é tão fácil. Explicando: Tirando umas fotos de biquíne , me acho gorda, “atarracada”. Quando me vejo de roupa me sinto bem...mas o mais incrível é que eu era totalmente 8 ou 800 , pra mim não tinha graça que eu estivesse no meio, ou tinha que ser esquálida ou nada. E hoje me imagino como uma mulher possível e feliz com isso.
Gente, não sei se surtei e se isso é fogo de palha mas, de qualquer forma, encarei como um aprendizado, estou me sentindo feliz, acho que isso reflete até aqui em casa com meu marido e minha filha: Estamos muito harmoniosos.
Ainda sinto melancolia à tarde, ainda tenho medos infundados mas me sinto viva, tranquila...
Ainda não sei que peso vou ficar, estou reavaliando mais uma vez minha meta.
Bjs!!

9 comentários:

Cris disse...

Puxa Drica, feliz por vc!
Parece estar evoluindo em todos os sentidos.
Parabéns!
Beijo.

Nira disse...

Olha adriana, não é só você que se acha bonita de roupa e gorda de biquini. Acho que toda mulher passa por isso. Eu mesma sou uma delas. Aí te pergunto. Qual tua altura?

Cecília disse...

Oi Adri,
eu entendo seu pensamento e eu mesma o tive recentemente. Também tenho gostado do meu corpo, apesar de maçã. Mais magra, continuo barriguda, mas sem bunda, sem peito e, de certa forma, alguns truques na forma de me vestir disfarçam a pancinha.
Tenho uma amiga linda e vaidosa, que pra mim era o modelo perfeito de magreza e harmonia e, ao perguntar ela me disse que pesava 73Kg - 13 a mais que eu!!!

Muito está na forma em que você se vê! Tem que aproveitar seus 50 e poucos quilos, porque de fato você não é gorda. Não espera os 47, os 50 ou mais para ser feliz! Seja feliz agora!
Beijão

Cris disse...

Amigaa,
Eu tb tenho 1.61 e com 64 estava obesa, tb sou maça e minha gordura era toda concetrada na parte de cima do corpo, ou seja, um corpo totalemnte horroroso! Tem muita gente que pesa mais mas tem o corpo legal, mas no meu caso não posso pesar mais de 60 nunca, é o tal do biotipo né?
Coca zero nem tento parar de tomar, já abro mão de muita coisa..
Bom que vc está vendo tudo de outra forma e vendo saída para os transtornos!
Bjs Cris.

Dida - Futura Ex-Gordinha disse...

Ai amiga!
Aceitação é o começo de tudo!
Beijos

Elisabete disse...

Que bom que você está bem e tranquila, de certa forma, com algumas preocupações. Fico muito feliz por você! Olha, sinto sua falta no meu blog! Aparece! Bjus

Nira disse...

1,56 ou 1,57 de altura. Nunca dá a mesma coisa. é um ou outro, rsrs
Tô pesando 61 kg.

Danielle disse...

Drica fiqeui bem feliz em saber que vc está ajustando as coisas por ai , afaste de vc esta ansiedade , eu estou fazendo isso amiga e me sinto muito bem , continue neste caminho, com pensamentos ótimos e positivo que tudo vai fluir perfeitametne, sabe que não gosto de ver na tv mulheres muito magra tipo Débora Secco ( após emagrecimento) acho lidinha as mulheres com corpo sensual e feminino, e sei que um corpo harmonioso é bem legal... Estou dando um tempo com a neura de querer emagrecer justamente por isso Cabeça e Mente devem estar tranquilas para todo o resto estar ótimo, adorei vir aqui e ler o teu post de hoje beijos

Renata disse...

oi linda driii!
que post lindo...
cheio de emoção, de verdades, de reflexões... adorei!
e festejo contigo sua conquista, suas conclusões...
bjos querida.
parabéns!