Chegando lá!

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Tô adiando muito contar uma coisa a vocês...




Depois de muuuuita luta, de atazanar muito meu marido , fiz uma cirurgia plástica: Abdominoplastia e lipo. Acreditam? Foi no final de dezembro, fiz escondido de todo mundo, só meu marido e duas amigas souberam e minha mãe não sabe até hoje, ela jamais aprovaria, tem horror a essas coisas.


O que posso dizer sobre a cirurgia e como ela me atingiu?
Não dói tanto como esperava, o pós operatório foi bem tranquilo, no primeiro mês emagreci uns 6 quilos pois me cuidei muito , mas...não mudei minha cabeça, plástica nenhuma muda. Não voltei aos exercícios e relaxei na alimentação, aliás, voltei e a ter crises de compulsão. Como resultado, minha barriga não está tão chapadinha como antes e engordei uns 3 kgs. Preciso fazer um retoque pois o umbigo não ficou legal mas pra isso , precisaria pagar o hospital e não disponho de dinheiro no momento. Estou planejando pra daqui a uns 2 ou 3 meses.


Enquanto isso, estou lutando pra controlar a minha gula e me reeducar.
Se faria tudo de novo? Faria sim, fez muito bem pra minha auto-estima, me sinto mais bonita, mais proporcional mas o que aprendi (aliás, na verdade, já sabia), é que plástica nenhuma vai te fazer uma pessoa mais feliz, mais bem resolvida , te trazer a felicidade de bandeja...


Minha insatisfação, meu vazio é interno, esse buraco negro que tento preencher com comida ou com a minha obsessão em fazer regime nunca vai acabar se eu não tiver a coragem de confrontar meus próprios medos e anseios.
Se eu tiver a preocupação de comer ou não comer, não vou precisar confrontar meus fantasmas internos. A comida me permite desviar minha atenção para meus verdadeiros problemas


Minha obsessão esconde lugares, subterrâneos da minha mente que tenho muito, muito medo de entrar...

4 comentários:

Cris disse...

Nossa! Quem e vivo sempre aparece... Quanto tempo moca! Quase nao acreditei quando vi post seu... Mulher chiquerrima agora toda trabalhada na plastica hein? Varias amigas estao passando por processos parecidos, alias fiquei de enfermeira de uma delas. Pra mim isso e um sonho bem distante, depois de ter filhos e amamentar talvez eu faca alguma coisa, mas antes disso, emagrecer... Sera que dessa vez eu consigo?
Que bom te ver por aqui. nao desista de tentar melhorar sempre, seja o corpo ou a cabeca.
Bjs Drica!

Dric@ disse...

Nem sei como achei seu cantinho mas preciso deixar um recadinho pois li em seus últimos parágrafos a consciência de uma mulher que não se esconde atrás de desculpas mas que sabe onde estão suas reais dificuldades e com certeza encontrará o caminho para preencher esse vazio que somente pode ser preenchido por sentimentos e emoções resolvidas e canalizadas para o caminho.
Bjs grande e parabéns pela coragem de encarar o bisturi e principalmente a vida

Amélia Calórica disse...

Dri nem acreditei quando li que vc fez plástica amei , pela coragem admiro muito isso nas pessoas mas eu mesma não tenho coragem justamente por isso cabeça, porque se tudo volta sei que não dou conta mentalmente, mas olha fica firme e dá uma relaxada agora estás recauchutada...rsrrsrsrs
Bjs senti sua falta viu
Dani

Kinha disse...

Parabéns pela coragem. Quando eu passar dos 36, idade limite pra decidir se vou ter mais um filho ou não, também quero fzer a abdominoplastia e os seios (mastopexia). Só que só vou fazer depois que tiver "fechado a fábrica",rs